abn

segunda-feira, 30 de novembro de 2015

"Era rapidinho", diz pai que confessou ter estuprado 5 filhas - Em Macapá

Um agricultor foi preso acusado de estuprar cinco filhas, em uma propriedade rural de Oiapoque, a 590 km de Macapá, no Amapá. As vítimas têm entre 5 e 14 anos e moravam com o pai, Raimundo de Almeida, 49 anos, desde que ele se separou da mãe da meninas, há três anos.

Segundo o delegado da Polícia Civil, Charles Correa, responsável pela prisão e resgate das crianças, inicialmente Raimundo confessou o estupro de apenas duas filhas. No entanto, exames comprovaram o abuso em todas meninas. “Era rapidinho, não fazia nada não, era rapidinho”, confessou o agricultor à Rede Amazônica no Amapá. O acusado está preso na delegacia de Oiapoque e as crianças foram levadas de volta para a mãe, que pertence à etnia indígena Karipuna.
Elas ainda estão sendo acompanhadas pelo Conselho Tutelar e pela Fundação Nacional do Índio (Funai).“O representante da Funai apresentou a mãe da vítima e trouxe uma das filhas abusadas, que tem 12 anos. Fizemos o exame de conjunção carnal que atestou o abuso, tanto o rompimento do hímen, quanto fissuras anais. Após isso investigamos os demais abusos”, contou o delegado Correa.

Na propriedade de Raimundo, onde aconteciam os abusos, foram encontradas também evidências de trabalho escravo, o qual as crianças eram submetidas. “As meninas aparentam bastante traumas com a situação. Estão bem acuadas, chorosas e a psicóloga acompanhou a operação toda”, detalhou o delegado. Raimundo ainda responderá por porte ilegal de arma. Ainda segundo o delegado, há a suspeita de que o pai tenha dado medicamento abortivo a uma das filhas. “Após perceber que ela [a filha de 14 anos] apresentava sinais de gravidez, como vômito, enjoos, o pai deu para ela supostamente um remédio que seria para verme, mas a gente tem desconfiança que seja um remédio abortivo”, detalhou. 
 
Fonte: Correio da Bahia/ Foto: Reprodução/Rede Amazônica

SUBVENÇÕES: JULGAMENTOS SERÃO RETOMADOS NESTA SEGUNDA, 30

João Daniel e Luiz Mitidieri podem ter mandatos cassados

O relator dos processos é o juiz eleitoral Fernando Scrivani Stefaniu (Foto: Arquivo Portal Infonet)
Prossegue nesta segunda-feira, 30, os julgamentos sobre desvios de verbas de subvenções distribuídas pela Assembleia Legislativa de Sergipe. Serão julgados no Pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/SE), o deputado federal João Daniel (PT) e o deputado estadual Luiz Mitidieri (PMDB), os dois com pedido de cassação pela Procuradoria Regional Eleitoral (PRE/SE).
Na terça-feira, 1º, deverá ser julgados o deputado estadual Gilson Andrade (PTC), o deputado federal Adelson Barreto (PSC) e o ex-deputado Raimundo Vieira (PSL), O Mundinho da Comase. Os três também com pedido de cassação.
Na quarta-feira, 2, haverá o julgamento dos deputados José de Oliveira Guimarães, o Zezinho Guimarães (PMDB), Luiz Augusto Carvalho Ribeiro Filho, o Gustinho Ribeiro (PSD) e Jeferson Andrade (PSD), os três com pedido de cassação.
Para a quinta, 3 estão previstos os julgamentos de Venâncio Fonseca (DEM) – [cassação] e o ex-deputado Zeca da Silva (PSC) – [reconhecimento de inelegibilidade].
Relembre
Em dezembro de 2014, a Procuradoria Regional Eleitoral em Sergipe (PRE/SE) ajuizou 25 ações contra 23 deputados da legislatura vigente à época na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese), por irregularidades no repasse e na aplicação de verbas de subvenção social.
Também foi processada a ex-deputada e atual conselheira do Tribunal de Contas do Estado, Suzana Azevedo (PSC). Além de os valores terem sido repassados ilegalmente, por conta de proibição na legislação eleitoral, o levantamento inicial identificou pelo menos R$ 12,4 milhões desviados de sua finalidade.
Até agora, três deputados estaduais foram condenados à cassação do mandato, mais pagamento de multa: Augusto Bezerra (DEM), Paulinho das Varzinhas (PTdoB) e Capitão Samuel Barreto (PSL).
Por Aldaci de Souza
Com informações do MPF/SE
FONTE: infonet.com.br

sábado, 28 de novembro de 2015

TRE CASSA MANDATO DO DEPUTADO CAPITÃO SAMUEL

Deputado também é condenado a pagamento de multa
 
Capitão Samuel teve o mandato cassado (Foto: divulgação)
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) julgou procedente a representação da Procuradoria Regional Eleitoral para cassar o mandato do deputado estadual Capitão Samuel. Ele é acusado de distribuir verbas de subvenções em ano eleitoral e de se apropriar indevidamente de pelo menos R$ 50 mil do volume de recursos que destinou para a Associação dos Militares de Sergipe (Assomise), contemplada com R$ 844 mil por indicação do parlamentar, conforme destacou o próprio juiz Fernando Stefaniu, relator do processo. Alem do mandato cassado, o deputado foi condenado a pagamento de multa no valor superior a R$ 106 mil.
Durante o julgamento,  o procurador Rômulo Almeida manteve posicionamento entendendo que o deputado Capitão Samuel destinou o maior volume de recursos para entidades vinculadas diretamente à atividade militar, que seria a base eleitoral do parlamentar. O procurador regional eleitoral classificou como emblemático o caso que envolve o Capitão Samuel e a distribuição das subvenções a entidades por ele indicadas, mantendo o entendimento pela cassação do mandato e aplicação de multa por conduta vedada e benefício eleitoral e enfatizou que uma das entidades beneficiadas reservou espaço específico na sede para dar publicidade à atividade parlamentar realizada pelo Capitão durante o mandato na Assembleia Legislativa. O procurador regional eleitoral entende que houve manobras nos saques bancários dos recursos para inviabilizar a fiscalização. 
Argumentos da defesa não convencem magistrados (Fotos: Cássia Santana/Portal Infonet)
O juiz Fernando Stefaniu, relator do processo, entendeu que a Associação dos Militares, contemplada com R$ 844 mil por indicação do Capitão Samuel,  não poderia ser e beneficiária das verbas de subvenções por se restringir a atender interesse da categoria que agrega e observou que na página da entidade na Internet, se constatou informações que caracterizam verdadeiro culto à personalidade em favor do Capitão Samuel. E chegou à conclusão que o Capitão Samuel se apropriou de pelo menos R$ 50 mil dos R$ 844 mil que destinou para a Associação dos Militares (Assomise).

O juiz exibiu parte de depoimentos prestados por presidentes das entidades beneficiadas pelas verbas indicadas pelo Capitão Samuel e encontrou contradições nítidas, segundo declarou o próprio magistrado durante a sessão de julgamento.
O advogado Fabiano Feitosa fez sustentação oral em defesa do parlamentar deixando claro que o Capitão Samuel não exercia qualquer interferência na gestão das entidades que receberam as subvenções por ele indicadas. O advogado reconheceu o vínculo profissional do parlamentar com os membros das entidades militares beneficiadas com as verbas de subvenções e manteve a tese de inexistência de conduta ou de qualquer outro ilícito que jusficasse a cassação do mandato ou até mesmo aplicação de multa ou outra penalidade prevista na legislação eleitoral.
O advogado Fabiano Feitosa nega que o deputado
Juiz exibe parte do depoimento prestado pelo presidente da Assomise, Adriano Reis
tenha se apropriado das verbas. Ele explica que nas investigações ficou constatado saques de recursos da entidade em favor de associados que trabalharam como assessores do parlamentar e que eles podem ter sido beneficiados diretamente pela entidade da qual são associados sem qualquer vínculo com o parlamentar.
O advogado vai recorrer da decisão junto ao TSE com a tese de que não ocorreu conduta vedada nem qualquer outro ato ilícito que leve à condenação de qualquer natureza do deputado.
Por Cássia Santana
fonte: infonet.com.br

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

SEXO AUMENTA IMUNIDADE E FORTALECE O CORAÇÃO

sexo casalAlém de proporcionar muito prazer, o sexo traz uma série de benefícios para a saúde física e emocional. Transar ajuda a dormir bem, melhora o funcionamento do coração, a sensação de bem-estar e pode aumentar a imunidade.
Na definição da OMS (Organização Mundial de Saúde), a sexualidade é vista como um aspecto central do ser humano durante toda a vida, não apenas na fase reprodutiva. “Se for entendido apenas como coito, o sexo não passa de uma atividade física como outra qualquer, mas vai além disso. É a forma de contato mais íntima que existe”, diz Paulo Tessarioli, psicólogo, terapeuta sexual e presidente da Abrasex (Associação Brasileira dos Profissionais de Saúde, Educação e Terapia Sexual).
Com tantas preocupações na correria do dia a dia, nem sempre as pessoas conseguem entrar no clima e aproveitar o momento de intimidade. “A resposta sexual é uma das primeiras funções do ser humano a ser abalada”, declara o urologista e sexólogo Celso Marzano, autor do livro “O Prazer Secreto” (editora Eden).
A seguir, oito razões para você apostar mais no sexo e esquecer de vez as tensões cotidianas.
1 – Diminui gripes e resfriados
Uma vida sexual ativa é capaz de fortalecer o sistema imunológico. Manter relações sexuais uma ou duas vezes por semana tem sido associado a níveis mais altos da imunoglobulina A, um importante anticorpo para a imunidade. “Esse fator pode proteger contra resfriados e outras infecções”, diz Marzano.
2 – Melhora a ansiedade
Transar funciona como um eficiente calmante. Durante o sexo, ocorre a liberação da ocitocina, hormônio que ajuda a relaxar. A tranquilidade e a relação de segurança que se formam no ato sexual contribuem para reduzir a ansiedade. “Investir na sexualidade faz com que as pessoas se sintam menos ansiosas”, fala Tessarioli.
3 – Reduz o estresse
Diferentes estudos relacionam a atividade sexual à redução do estresse. A sensação de relaxamento desencadeada no sexo ultrapassa o momento do orgasmo. Em uma pesquisa publicada em 2006, Stuart Brody, professor de psicologia da Universidade Charles, em Praga, na República Tcheca, observou menor pressão arterial e reação ao estresse entre as pessoas que fizeram sexo com penetração vaginal. “Esse efeito não foi observado em pessoas que tiveram outras atividades sexuais como a masturbação”, afirma Brody.
4 – Aumenta a generosidade
A ocitocina, também conhecida como “hormônio do amor”, também ajuda a construir confiança e vínculos afetivos. A substância é responsável por aquela vontade de não desgrudar do parceiro depois do sexo e tem sido relacionada ao sentimento de generosidade.
5 – É bom para o humor
Cara feia nem sempre é fome, talvez seja mesmo falta de sexo. A satisfação sexual influencia no bem-estar, na felicidade e no estado de humor. “Quando as pessoas estão satisfeitas ficam mais distantes de estados deprimidos do humor. É uma forma de se blindar contra problemas como a depressão”, fala Tessarioli.
6 – Fortalece o coração
O exercício sexual melhora o sistema cardiovascular e consequentemente toda a circulação corpórea, diminuindo as chances de infarto. “Pesquisadores da Inglaterra descobriram que fazer sexo duas ou mais vezes por semana reduziu o ataque cardíaco fatal pela metade nos homens, em comparação com aqueles que tinham relações sexuais menos de uma vez por mês”, declara o urologista e sexólogo Celso Marzano.
7 – Mais contato emocional e parceria
Por meio do sexo, é possível se conectar emocionalmente com o parceiro. “Esse é um dos poucos momentos em que existe contato físico e emocional ao mesmo tempo, uma intimidade que ajuda no autoconhecimento”, afirma Tessarioli. A ligação que existe na prática sexual contribui para o fortalecimento das relações e do convívio. Quanto mais sexo, mais parceria entre o casal.
8 – Relaxa e melhora o sono
Logo depois do sexo é comum sentir sono e relaxamento. E os efeitos podem durar além do período imediatamente após o ato. O sexo ajuda a dormir melhor porque a ação da ocitocina durante o orgasmo também promove o sono, segundo Marzano.

  FONTE: BlogRobson Pires

TCE REJEITA CONTAS ANUAIS DE QUATRO PREFEITURAS



O Tribunas de Contas do Estado de Sergipe (TCE/SE) julgou pela rejeição das contas 2008 da Prefeitura de Santo Amaro das Brotas, de interesse de José Ivaldo Costa; parecer prévio pela rejeição das contas 2010 da Prefeitura de Cumbe, de interesse de Maria Terezinha de Moura;  rejeição das contas 2012 da Prefeitura de Areia Branca e determinando abertura de Tomada de Contas Especial, de interesse de Agripino Andelino Santos; e após pedido de vista do conselheiro Ulices Andrade, julgou pelo parecer prévio pela rejeição das contas 2011, da Prefeitura de Nossa Senhora da Glória, de interesse de Luana Michele de Oliveira Silva. Os dois primeiros processos foram de relatoria do conselheiro Clóvis Barbosa e os dois últimos do conselheiro Luiz Augusto Ribeiro.
 

As decisões foram tomadas na sessão do Pleno desta quinta-feira (26), quando foram julgados 15 processos e três protocolos, sob a presidência do conselheiro Carlos Pinna de Assis, e que contou ainda com as participações dos conselheiros Carlos Alberto Sobral, Angélica Guimarães, o conselheiro substituto Rafael Fonsêca e o procurador geral José Sérgio Monte Alegre.

Outros processos
Sessão do Pleno desta quinta-feira (Crédito: Cleverton Ribeiro/TCE) Em voto de vista, Ulices Andrade acompanhou o relator Clóvis Barbosa pela improcedência de rescisória interposta por Francisco Gilvan de Azevedo, ex-presidente da Câmara de Riachuelo; e votou pela aprovação, com ressalvas, das contas 2010 da Prefeitura de Nossa Senhora da Glória, sendo seguido pelo relator Luiz Augusto. Ulices também decidiu pelo arquivamento de consulta da Assembleia Legislativa, de interesse de Luciano Bispo de Lima, e pela autuação de documento da Câmara de Aquidabã, de interesse de Carlos André de Moura.

Carlos Alberto votou pela aprovação, com ressalvas, das contas 2009 da Prefeitura de Pedra Mole, de interesse de Cleverton Santos; pela autuação de documento de órgãos independentes, de interesse de Egídio e Everton Empreendimentos Ltda. e Everton Figueiroa e pelo arquivamento de documento da Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão, de interesse de Egídio e Everton Empreendimentos Ltda. e Everton Figueiroa.

Clóvis Barbosa decidiu pela regularidade, com ressalvas e multa de R$ 3 mil, das contas 2008 da Fundação Aperipê de Sergipe, de interesse de Indira Pereira Amaral; pela regularidade, com ressalvas, das contas 2008 da Câmara de Rosário do Catete, de interesse de Alexsandro Araújo Cavalcante, e pela procedência parcial de denúncia da Prefeitura de Aquidabã, de interesse de Marcos José Barreto e Joel de Almeida Santos/Sintese.

Luiz Augusto votou ainda pela regularidade, com ressalvas, das contas 2011 da Prefeitura de Frei Paulo, de interesse de José Arinaldo de Oliveira Filho; e pelo arquivamento de Tomada de Contas Especial da Prefeitura de Ribeirópolis, de interesse de Fátima Regina Céspedes Passos.

E Angélica Guimarães decidiu pela regularidade das contas 2010 da Fundação Hospitalar de Saúde, de interesse de Mônica Sampaio de Carvalho e pela regularidade, com ressalvas e multa de R$ 1264,00, referente ao período do gestor Antônio Carlos Guimarães de Souza Pinto; e pela regularidade, com ressalvas, das contas 2011 da Secretaria Municipal da Comunicação Social de Aracaju, de interesse de Marcos Antônio Araújo Cardoso. 
Todos os votos foram aprovados por unanimidade pelo colegiado e, em alguns casos, ainda cabe recurso junto ao TCE.

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

OS 62 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLITICA DE BARRA DOS COQUEIROS, O QUE COMEMORAR?

OS VEREADORES APROVAM A CONSTRUÇÃO DE PRÉDIOS DE 12 ANDARES, PARA ACABAR COM A BARRA, (VOTARAM CONTRA GILVAN PINTINHO E DANIEL MOURA), A VIOLÊNCIA TOMA CONTA DA CIDADE E O CAOS DA MOBILIDADE URBANA COMEÇOU A CHEGAR E A DROGA ENTRAR NOS LARES DOS BARRACOQUEIRENSES. ESSES SÃO OS PRINCIPAIS AVANÇOS EM 62 ANOS.  
Praça Santa Luzia, Barra dos Coqueiros
Dia 25 de novembro o município de Barra dos Coqueiros comemora 62 anos de Emancipação Política. A data especial está sendo comemorada com muita tristeza, muitos fatos negativos estão acontecendo na cidade, nos 62 anos de Emancipação os vereadores aprovaram uma lei polêmica que aumenta de 4 para 12 pavimentos os prédios que serão construidos na cidade, os números e homicidios só tem aumentado na cidade, a droga corre solta na cidade e a cidade continua caminhado para um caos urbanos.  
 
PRAÇA GOVERNADOR JOÃO ALVES FILHO (POPULAR PRAÇA DE ROMILDO)continua tudo como antes no cartel de abrantes
PRAÇA PREFEITO ERASMOS SANTA BARBARA, DESPREDADA SIMBOLO DA EMANCIPAÇÃO, É PARA COMEMORAR?
 Administrada inicialmente pelo grande Prefeito Moisés Gomes Pereira, a “CIDADE DO AMOR" ainda mantém suas tradições e costumes de cidade do interior.
O que comemorar?

Por outro lado, os Barra Coqueirenses e como este redator – falaram nas redes sociais o que comemorar no dia 25 de novembro.
“Barra dos Coqueiros, cidade onde grandes homens nasceram e outras fizeram morada. Já foste a CIDADE DO AMOR UM DIA, hoje és apenas mais uma ex, mas que para muitos filhos seus jamais deixarás de sentir amor por ela. Parabéns minha amada e inesquecível Barra dos Coqueiros " CIDADE DO AMOR", disse o Ex-Prefeito Natanael Mendes Moura.

“Apesar do sofrimento dos moradores com a falta de segurança e a violência cada dia avançando junto com a droga e também os sofrimentos dos Moradores do Bairro Baixo com a permanência do navio que atrai diversas doenças do rato, ( o segundo Bairro Mais antigo da Cidade),
 
O povo Barracoqueirense, vai comemorar os 27 homicidios de 2014 e muito mais em 2015, a falta de saneamento Básico e pavimentação nos loteamentos da cidade, Os abandonos da Praça do Prisco Viana, da praça Erasmo Santa Barbara, da Praça de Romildo no Marivan, da Quadra de Esporte Capitão Juca, da falta de segurança nas escolas municipais e outras demandas;

“A Barra dos Coqueiros, não tem a prosperidade do passado para comemorar, portanto devemos torcer para que dias abarrotados de diálogo, propostas desenvolvimentistas, respeito mútuo entre os nossos governantes e o nosso povo sofrido venham a acontecer com urgência !

A ILHA DE SANTA LUZIA, não é merecedora dos dias tristes de agora e precisa urgentemente de uma saída rumo ao progresso, e essa prosperidade naturalmente passa por geração de emprego e renda para os jovens desempregados, atualização salarial dos servidores, um intercâmbio civilizadamente constante entre povo, funcionários públicos, vereadores, secretários municipais e prefeito! Fora disso, é continuar na mesmice do atraso, das raivas e vinganças e da falta de boa vontade em resolver as pendências mesquinhas da atualidade”,

No mais, O BLOG A BARRA E A NOTICIA deseja a todos os Barra Coqueirenses, que tenhamos fé para que os próximos anos de lutas e glórias sejam melhores. Que o povo possa ver a sua querida Ilha - onde temos lutado e a cidade tem pouco desenvolvimento – esperamos um futuro promissor para nossa cidade..

Parabéns Barra dos Coqueiros pelo seus 62 anos!

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Polícia Militar Adolescente é apreendido após ato infracional na Barra dos Coqueiros

Policiais militares do 8º Batalhão de Polícia Militar aprenderam na tarde de domingo, 21, um adolescente suspeito de cometer ato infracional análogo a roubo, na praia da Costa, município de Barra dos Coqueiros.

Um casal estava saindo da praia quando foi abordado por uma dupla, armada com faca, que subtraiu uma bolsa e uma carteira com vários pertences do casal, além da quantia de 500 reais e vários cartões de crédito. Logo após a ação, a dupla empreendeu fuga. Em seguida, o casal foi atrás da polícia, quando avistou uma viatura fazendo diligências na região. O casal relatou o que havia acontecido e a guarnição começou as buscas pelos suspeitos.

Durante a ação, os militares localizaram a casa dos dois indivíduos autores do roubo. Na residência, apenas um suspeito estava no local e foi identificado posteriormente como um menor infrator. Na casa, foram encontrados vários pertences do casal e a bolsa da vítima foi localizada em um terreno baldio, nas imediações do local. Os objetos foram recuperados pelas vítimas e o menor apreendido.

Fonte: http://www.ssp.se.gov.br/

Professora que fez sexo mais 80 vezes com aluno de 15 anos é condenada a 2 anos de prisão

por Fernando Moreira
Caroline Berriman | Reprodução/Facebook
 
 
Recentemente, a professora Caroline Berriman, que admitiu ter tido um relacionamento sexual com um aluno de 15 anos, em Manchester (Inglaterra), foi condenada a dois anos de liberdade condicional.

O caso teve uma reviravolta, anunciou o "Manchester Evening News"
 
Depois que a opinião pública e um deputado se manifestaram contra a "leveza" da punição, um juiz de Tribunal de Apelação decidiu que a pena aplicada inicialmente fora muito leniente e condenou Caroline a dois anos de prisão.

De acordo com o processo, Caroline e o menor fizeram sexo mais de 80 vezes. O relacionamento só chegou ao fim quando a professora engravidou. Ela acabou sofrendo um aborto.

O adolescente não frequenta mais a escola.
A professora engravidou do aluno | Reprodução/Facebook

COVARDIA BRUTAL: GAROTA DE 6 ANOS MORRE APÓS SER ESTUPRADA.

Vítima de 6 anos foi  encontrada agonizando e com sinais de violência num matagal...

Uma barbárie chocou o município de Urbano Santos na manhã de domingo (22). Uma garotinha de apenas 6 anos foi brutalmente morta, após ser sequestrada e estuprada.

Maísa, filha de família evangélica, segundo informações, foi sequestrada de sua residência, no bairro Queimadas, na noite desse sábado, 21, e pra infelicidade da família foi encontrada por populares essa manhã num matagal, agonizando, em estado de choque e com sinais de violência sexual.

A menor foi imediatamente levada ao hospital do município, onde infelizmente não resistiu e veio a falecer.

Chocada com o ocorrido, a prefeita do município, Iracema Vale, teria solicitado um táxi aéreo, para remoção da menor a capital, mas infelizmente não havia mais tempo para Maísa.

Até o momento não há informações de suspeitos da barbárie, sendo que as polícias Militar e Civil estão em busca de pistas, a fim de identificar, ou identificá-los.

Repudiando esse crime horrendo a página deixa aqui os sinceros votos de pesar aos familiares da vítima. 

REDAÇÃO: ANTENOR FERREIRA - BLOG INTERLIGADO

SUBVENÇÕES: MAIS TRÊS JULGADOS NESTA SEGUNDA

Francisco Gualberto, Garibalde e Paulinho das Varzinhas

(Foto: Arquivo Portal Infonet)
Nesta segunda-feira, 23, continua os julgamentos do caso das verbas de subvenção da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Nesta segunda está marcada a análise dos casos de Francisco Gualberto e Garibalde Mendonça (multa) e Paulo Hagenbeck Filho, o Paulinho das Varzinhas (cassação).
Para a sexta-feira, 27, estão agendados os julgamentos Ana Lúcia Vieira e Maria Mendonça (multa) e Samuel Barreto, o Capitão Samuel (cassação).
Na última sexta-feira, 20, o tribunal cassou o mandato do deputado Augusto Bezerra (DEM), acusado de articular um suposto esquema para desviar as verbas de subvenções destinadas pela Assembleia Legislativa para entidades do terceiro setor. Além da perda do mandato, o deputado foi condenado a pagamento de multa no valor de R$ 106.410,00.
Além do deputado Augusto Bezerra, mais três políticos foram condenados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE/SE) por distribuir verbas de subvenções em ano eleitoral.  Hoje já foram condenados a pagamento com multa de R$ 40 mil, os ex-deputados estaduais Arnaldo Bispo (DEM) e Conceição Vieira (PT). Nestes julgamentos os membros do TRE utilizaram os mesmos argumentos para condenar o ex-deputado Pastor Antônio dos Santos (PSC) em julgamento ocorrido na noite da última quinta-feira, 20.
FONTE: infonet.com.br
 

sábado, 21 de novembro de 2015

POLICIA MILITAR: Operação Lei Seca da Odonto terá mais de 24 horas de fiscalização

A Companhia de Policiamento de Trânsito (CPTran), vinculada ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran/SE), realizará neste final de semana a Operação Lei Seca da Odonto. A ação acontecerá durante todo o sábado, 21, e segue até às 12 horas do domingo, 22. Serão mais de 24 horas de ação preventiva e punitiva aos condutores que passarem pela rodovia dos Náufragos, local onde acontece a festa.

O comandante da CPTran, major Fábio Machado, destaca que a operação vem contribuir para a redução de acidentes de trânsito. "O evento atrai muitos jovens, que brincam toda a noite e, muitas vezes, acabam ingerindo bebida alcoólica. Na volta para casa, pegar o carro não é uma boa opção. Então, vamos estar lá com vários policiais e viaturas para orientar e coibir comportamentos que envolvam a combinação de bebida e direção", explicou.
O major reforça que este ano vai fazer o trabalho preventivo para evitar os riscos pós-festa. "Na manhã do dia do evento, nossas equipes estarão nas áreas das praias orientando os condutores, trazendo a mensagem de que é possível se divertir sem conduzir o carro depois de brincar e beber. Na madrugada e manhã do domingo, o foco será fiscalizar e punir quem for flagrado descumprindo a legislação de trânsito. Ao todo, 15 policiais da CPTran e 15 de reforço estarão envolvidos na operação", finalizou.

Fonte: Ascom SSP/SE com informações do Detran/SE

Quanto vale seu perfil no Facebook? Pesquisadores respondem à pergunta

App permite estimar receita que cada conta gera para a rede social; perfil de usuário na Espanha, por exemplo, vale metade do dos Estados Unidos

BBC

Ferramenta desenvolvida por pesquisadores espanhóis revela que perfil de usuário na Espanha vale metade do de Estados Unidos
PA/BBC Brasil

Ferramenta desenvolvida por pesquisadores espanhóis revela que perfil de usuário na Espanha vale metade do de Estados Unidos

Alguma vez você já se perguntou quanto vale seu perfil no Facebook?
Dois pesquisadores da Universidade Carlos III, de Madrid, na Espanha, desenvolveram uma ferramenta que permite estimar a receita que cada conta gera para a rede social.
Esse dividendo, que na prática é o valor cobrado dos anunciantes, varia de acordo com características como nacionalidade, sexo e idade dos usuários.
Batizada de Personal Data Valuation Tool, a ferramenta foi criada pelos irmãos Ángel e Rubén Cuevas Rumin.
Eles descobriram, por exemplo, que um usuário na Espanha vale a metade do que um usuário dos Estados Unidos, enquanto que os milleniums (grupo de jovens nascidos entre 1980 e 2000) quase sempre "são mais caros" do que adultos.

Há exceções, como na Inglaterra e na França, onde pessoas com mais de 50 anos têm um valor de mercado maior pois são consideradas um público mais interessante para as marcas, ressalvam os pesquisadores.

E, no geral, americanos ou europeus valem mais do que asiáticos ou latino-americanos.

Também há diferenças quanto ao gênero: o CPC (custo por clique) de usuários do sexo masculino é mais caro, enquanto o CPM (custo por suporte) é maior nos perfis são mulheres.
Assim como o Google, o Facebook aplica diferentes tarifas publicitárias dependendo das visualizações e dos cliques dos diferentes anúncios.

Batizada de Personal Data Valuation Tool, a ferramenta foi criada pelos irmãos Ángel e Rubén Cuevas Rumin
BBC

Batizada de Personal Data Valuation Tool, a ferramenta foi criada pelos irmãos Ángel e Rubén Cuevas Rumin


Objetivo
A ferramenta baseia seus resultados na análise de mais de 30 mil perfis selecionados aleatoriamente por uma rede de computadores.
Os dados permitem diferenciar de onde o usuário é, onde vive e alguns gostos determinados segundo sua atividade no Facebook.
Por meio deles, os pesquisadores acompanharam os perfis como se fossem um anunciante de uma marca.

Mas quais são os perfis mais caros do Facebook?
Se você é uma mulher de meia idade que vive nos Estados Unidos e gosta de praticar esportes, seu perfil é um dos mais atraentes para os anunciantes e, portanto, um dos mais valiosos da rede social.
Os pesquisadores dizem esperar que a ferramenta se torne em breve em um complemento dos navegadores.
FONTE: 

RELATOR NO STF VOTA A FAVOR DO USO DE BANHEIRO FEMININO POR TRANSEXUAL

Visto no G1
Julgamento foi interrompido; Barroso quer indenizar barrada em shopping. Decisão a ser tomada pelo Supremo deverá valer para mais de 700 casos.

Os ministros Luís Roberto Barroso e Luiz Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), votaram nesta quinta-feira (19) a favor do direito de transexuais usarem banheiros conforme sua “identidade de gênero”, ou seja, como se percebem (homem ou mulher), independentemente do sexo a que pertencem.

O julgamento, porém, foi interrompido por um pedido de vista (mais tempo para analisar o caso) do ministro Luiz Fux. Faltam ainda os votos de outros nove ministros para uma decisão final, ainda sem data para ocorrer.

Relator do caso de uma transexual barrada no banheiro feminino de um shopping em Santa Catarina, Luís Roberto Barroso também votou favoravelmente a restabelecer uma indenização de R$ 15 mil por danos morais sofridos na ocasião. Fachin também votou pela indenização, mas por um valor maior (R$ 50 mil). Leia tudo em 

SUBVENÇÕES: TRE CASSA MANDATO DO DEPUTADO AUGUSTO BEZERRA

Deputado foi condenado a pagamento de multa
 Augusto Bezerra irá recorrer da decisão(Foto: Ascom Alese)
Por unanimidade, o Tribunal Regional Eleitoral cassou o mandato do deputado Augusto Bezerra (DEM), acusado de articular um suposto esquema para desviar as verbas de subvenções destinadas pela Assembleia Legislativa para entidades do terceiro setor. Além da perda do mandato, o deputado foi condenado a pagamento de multa no valor de R$ 106.410,00.
A Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) incluiu também Clarice Jovelina de Jesus no rol dos réus, mas ela acabou beneficiada pelo entendemento do juiz Fernando Stefaniu que optou por absolvê-la.
Os advogados Fabiano Feitosa e Márcio Conrado fizeram a sustentação oral tentando encaminhar a votação pela absolvição do deputado, mas foram derrotados. Os advogados entendem que há denúncias graves que precisam ser investigadas, mas nada que tenha relação com crime eleitoral. Os advogados vão recorrer desta decisão junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Mais três políticos condenados
Além do deputado Augusto Bezerra, mais três políticos foram condenados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE/SE) por distribuir verbas de subvenções em ano eleitoral.  Hoje já foram condenados a pagamento com multa de R$ 40 mil, os ex-deputados estaduais Arnaldo Bispo (DEM) e Conceição Vieira (PT). Nestes julgamentos os membros do TRE utilizaram os mesmos argumentos para condenar o ex-deputado Pastor Antônio dos Santos (PSC) em julgamento ocorrido na noite da última quinta-feira, 20.
Por Cássia Santana
Subvenções: três políticos já foram condenados pelo TRE
Subvenções: Conceição Vieira, Bispo e Augusto Bezerra
Subvenções: defesa responsabiliza Mesa Diretora
Subvenções: MP diz que João Daniel usou rede de laranjas
Subvenções: MPE/SE ajuizará ações contra deputados
Subvenções: novos prazos terminam na segunda-feira
Promotoria de Lagarto denuncia envolvidos com subvenções
Subvenções:MPF começa a cumprir decisão do TSE
Subvenções: PRE terá que especificar provas
Subvenções:Associação tem bens indisponíveis em Lagarto
Subvenções: Gustinho diz que o momento é de serenidade
Subvenções: PRE protocola últimas alegações finais
FONTE: infonet.com.br

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

SUBVENÇÕES DEFESA RESPONSABILIZA MESA DIRETORA

O argumento é de que os deputados apenas apresentam as emendas

Julgamento acontece na tarde desta quinta-feira, 19 (Foto: Portal Infonet)
Prossegue no Pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/SE) o julgamento do deputado Antonio dos Santos (PSC), por conduta vedada através da distribuição das verbas de subvensão pela Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese). Na ocasião, a defesa do parlamentar destacou que os deputados apenas apresentam as emendas, mas quem executa é a Mesa Diretora da Alese, responsabilizando à presidência e primeira secretaria da Casa, na época, os deputados Angélica Guimarães e Adelson Barreto, respectivamente.
A defesa do deputado Antônio dos Santos está sendo feita pelos advogados Fabiano Feitosa e Marcio Macedo Conrado. "Os deputados apenas apresentam as emendas. A partir daí, não há ingerência nenhuma porque quem executa é a presidente da Assembleia e primeiro secretário", entende Fabiano Feitosa.
O juiz eleitoral, relator Fernando Escrivani Stefaniu, fez a leitura do relatório com uma retrospectiva do que aconteceu nas audiências e o procurador do Ministério Público Federal (MPF/SE), Romulo Almeida defendeu a tese de que houve conduta vedada na distribuição das verbas para entidades e pediu a aplicação de multas.
Condutas vedada são as normas e as orientações para evitar atos indevidos ou que interfiram na lisura do processo eleitoral.
O Portal Infonet coninua acompanhando a sessão e trará mais informações nas próximas horas.
Por Aldaci de Souza
Subvenções: MP diz que João Daniel usou rede de laranjas
Subvenções: MPE/SE ajuizará ações contra deputados
Subvenções: MPE/SE ajuizará ações contra deputados
Subvenções: novos prazos terminam na segunda-feira
Subvenções: Deputados devem ser ouvidos nesta quinta, 3
Subvenções: deputado presta depoimento no MPE
Deputados autorizam Governo a usar depósitos judiciais

FONTE: infonet.com.br

POR UNANIMIDADE, PASTOR ANTÔNIO É CONDENADO PELO TRE

TRE comprova conduta vedada e aplica multa de R$ 40 mil

Julgamento durou quase seis horas na tarde desta quinta-feira, 18 (Fotos: Portal Infonet)
Após quase seis horas de julgamento, o juiz eleitoral Fernando Escrivani Stefaniu leu o voto reconhecendo a prática de conduta vedada [distribuição de verbas públicas no período eleitoral] por parte do deputado Pastor Antônio dos Santos (PSC), quando da distribuição de verbas de subvenção social a 56 entidades, em valores que variaram de R$ 4 mil a R$ 106 mil. O parlamentar foi condenado, por unanimidade, ao pagamento de multa no valor de R$ 40 mil [apesar de o Ministério Público Eleitoral] ter solicitado multa de R$ 106 mil. A defesa vai recorrer da decisão junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Acompanharam o voto do relator na confirmação da existência de conduta vedada, os juízes Osório Ramos, Gardênia Carmelo Prado, Denise Maria Figueredo Barros, Francisco Alves Júnior e Cezário Siqueira.
Fernando Escrivani faz a leitura do voto
A construção do voto do juiz Fernando Escrivani [que exibiu vídeos com depoimentos de diretores da Assembleia Legislativa de Sergipe, a exemplo de José Hunaldo Mota, Maria Lourdes Mota e José Valmir Santos], desfazendo os argumentos da defesa em responsabilizar a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, por meio da presidente Angélica Guimarães (PSC) e Adelson Barreto (PSC) – foi elogiada pelos demais membros da Corte Eleitoral.
“O voto do relator foi muito bem construído. Ele fez desmoronar um monte de areia, mostrando a existência de um simulacro para quebrar uma nação, com atividades assistencialistas que eram feitas como um suposto atendimento legal e que essa distribuição de verbas jamais poderia ter sido feita no período eleitoral, com tudo sendo feito para dar aparência de legalidade. Programa social nenhum existiu e a distribuição das verbas pelo pastor Antônio dos Santos foi feita de forma pulverizada. Ficou concluído que não havia legalização que pudesse dar guarida a essa distribuição em um ano eleitoral, por isso eu sigo o voto do relator”, destaca o presidente do Tribunal de Justiça de Sergipe, Cezário Siqueira.
Defesa
Preocupação estampada nos rostos dos advogados da Alese
O advogado Fabiano Feitosa afirmou que a defesa não concorda com a decisão do TRE e vai recorrer ao TSE. “Nós respeitamos, mas não concordamos com a decisão do TRE e vamos aguardar a publicação para entrarmos com recursos e lutarmos pelo provimento lá no TSE. Não vou comentar julgamento, mas tem pontos que nós suscitamos desde o início, que foram contrários à jurisprudência do TSE e estamos muito tranquilos e acreditando piamente no TSE. O resultado não vai nos esmurecer. Agora é que vamos lutar com mais garra e mais afinco, apesar de eles entenderem que o simples repasse das verbas de subvenção, caracteriza a conduta vedada, e vamos lutar para que seja aplicada aos deputados a menor pena possível”, destaca.
MPE
Rômulo Almeida: "Tese do Ministério Público tem mum substrato muito grande"
O procurador do Ministério Público Eleitoral (MPE), Rômulo Almeida, afirmou que a decisão unânime foi um momento histórico.
“A tese do Ministério Público tinha um substrato muito grande. O Ministério Público não inventou, não tirou da cabeça a conduta vedada, que estava na legislação. A partir de 2014, resolvemos cumprir a lei e foi um julgamento histórico, de procedência, num voto primoroso do relator, que analisou todas as minúcias do caso,  e afastou todas as teses defensivas. Obviamente agora o caso será submetido ao TSE, o que não significa que se o TSE reformar estará proferindo um entendimento melhor do que o TRE, que debateu a questão de forma exaustiva, com intervenção qualificada de todos os membros e discussão técnica de alto nível. O Ministério Público agora tem a tese principal e se debruçará sobre os casos específicos”, enfatiza.
Juiz exibiu vídeos com diretores da Assembleia comprovando denúncias
A partir das 8h desta sexta-feira, 20, serão julgadas as ações contra os ex-deputados estaduais, Arnaldo Bispo (DEM), Conceição Vieira (PT) e Augusto Bezerra (PMDB), quanto à distribuição das verbas de subvenção às entidades.
Por Aldaci de Souza
FONTE: infonet.com.br