abn

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

PREPOM - AQUAVIÁRIOS - 2014 DEVE SER PUBLICADO AINDA ESTA SEMANA.

QUEM QUER SER MOÇO DE CONVÉS OU DE MAQUINAS

A expectativa de quem almeja uma vaga na Marinha Mercante e não é profissional ainda começa a aumentar esta semana. Em 2013, exatamente no dia 16 de janeiro, o Diretor de Portos e Costas publicou o Programa do Ensino Profissional Marítimo (PREPOM-Aquaviários 2013) com várias alterações importantes para quem quer seguir carreira. Aguarda-se para esta semana a publicação da versão 2014.

Quem quer ser Moço de Convés ou de Máquinas
As mudanças no PREPOM que acabaram por frustrar os sonhos de muitos candidatos à classificação inicial nas guarnições da Marinha Mercante, que é o Moço de Convés ou o Moço de Máquinas, formado pelos cursos CFAQ-I C e CFAQ-I M, respectivamente Curso de Formação de Aquaviários – Moço de Convés e Cursos de Formação de Aquaviários – Moço de Máquinas. A dificuldade de cumprir um dos itens de exigência para inscrição, que é a indicação de empresas de navegação, contribuintes do Fundo de Desenvolvimento do Ensino Profissional Marítimo (FDEPM), fez as inscrições nos processos seletivos das Capitanias, Delegacias e Agências da Marinha por todo o país despencarem. A inscrição pura e simples, como fora até 2012, tornou-se muito difícil. O candidato além de se preparar para as provas do processo seletivo, que são de português e matemática, no nível do 9º ano do Ensino Fundamental; e preparar-se para a prova de natação, em que terá que perfazer 25 metros, seguido de uma prova de permanência flutuação de 10 minutos, terá que buscar as empresas de navegação da área mais próxima a que reside, e tentar a indicação para fazer o curso.

Como conseguir a indicação para o curso de Moço?
Não é tarefa fácil conseguir uma indicação para o CFAQ-I. Infelizmente a política adotada pela Diretoria de Portos e Costas impediu os milhares de candidatos a moços pelo país, de concorrer em pé de igualdade com parentes e amigos de aquaviários já engajados na Marinha Mercante. Mas o momento não é de reclamar, mas sim de correr atrás do prejuízo e tentar conseguir uma carta de indicação. Siga o passo-a-passo:
1-      Aguarde o PREPOM-Aquaviários-2014 ser publicado. Selecione os cursos e locais que mais te interessam e os relacione;
2-      Busque acompanhar nos sites das Capitanias, Delegacias ou Agências que selecionou as datas dos cursos. Caso não estejam atualizando, não se dê por vencido, telefone. No site da DPC tem os números. O link é: https://www.dpc.mar.mil.br/CDA/index.htm;
3-      Leia com atenção as exigências para inscrições no processo seletivo. Haverá um Programa de Instrução no Mar (PIM) e a empresa que der a carta de indicação deverá também prover o referido estágio PIM;
4-      Conhecendo as exigências da Capitania, entre em contato com as pessoas que conhece, que já são da Marinha Mercante. Mesmo que a indicação deva estar assinada no mínimo pelo Gerente de Recursos Humanos da empresa e por Diretor da entidade, um pedido de indicação de um comandante de embarcação ou de um imediato experiente não seria desconsiderado por quem compõe a direção da empresa;
5-      Visite os Recursos Humanos das empresas em busca da carta de indicação. Leve o que podem te exigir, como um Curriculum Vitae simplificado e cópias de documentos pessoais. O importante é saber que encontrará muitas portas fechadas. Mas insista; e
6-      Falhando em conseguir a indicação, procure o órgão da Marinha que está oferecendo o curso. Pergunte e esclareça suas dúvidas. Busque informações sobre quais empresas estão disponibilizando os estágios. Quais empresas já encaminharam cartas de indicação. O processo seletivo não possui nenhum outro documento sigiloso que as provas e seus gabaritos. Os demais devem ser de acesso simples. Havendo recusa do órgão em informar, contate a ouvidoria. 

Desejamos boa sorte aos candidatos e que este ano não tenhamos nenhum curso de aquaviário cancelado por falta de candidatos com indicações de empresas, como foi o caso de 2013.



Acompanhe aqui mesmo no nosso blog a informação da publicação do PREPOM e dos cursos para sua área de residência.